Um ano de blog: Caminhos do Vinho

O Movido a Vinho completa um ano essa semana. Preparamos algumas postagens para comemorar esse aniversário – compartilhando com os leitores nossas reflexões sobre o ano que passou e nossas ideias para o ano que inicia. Querem saber o que 2016 nos reserva?

No texto de hoje, vamos discutir a seção Caminhos do Vinho.

Nano vinícola: produção de 30 mil garrafas e atenção aos detalhes

Rosas na Casa Seganfredo, nano vinícola com produção de 30 mil garrafas e atenção aos detalhes

Fechamos o ano com cinco visitas. Ainda no Verão conhecemos a Vinícola Fontanari, nos Caminhos de Pedra de Bento Gonçalves. Fomos à Casa Seganfredo no início do Outono, antes mesmo de eles entrarem em atividade. No inverno postamos a visita à Quinta Don Bonifácio (em Caxias) e à Peruzzo, na Campanha Gaúcha. Na Primavera fomos até a Cooperativa Vinícola Garibaldi, na cidade de mesmo nome.

A oportunidade de fazer essas visitas e divulgar a cultura do vinho foi uma das principais razões pelas quais criamos o Movido a Vinho. Ficamos muito contentes com a recepção das vinícolas e com os comentários dos leitores. O que encontramos foi um mercado em crescimento, com altíssimo grau de profissionalização e tecnologia de ponta.

A Gabriela Di Bella, que embarcou neste projeto desde o início, está “de licença” para participar do programa de Trainees da Folha de São Paulo. Quem viu o trabalho dela por aqui sabe, como eu, que a Gabi é fotógrafa de mão cheia. Quem não viu, pode conferir a foto-reportagem (com direito a vídeo) que ela publicou sobre o setor de exportação de café. Sou um grande entusiasta do trabalho dela, mas não sei que tipo de contra-proposta vou poder fazer caso ela decida ficar na Folha. Ainda teremos de esperar um pouco para ver como este ponto vai se desenrolar… Até lá, o texto e a fotografia estão ambos por minha conta.

Paisagem em Caxias - vinhas da Quinta Don Bonifácio

Paisagem em Caxias – vinhas da Quinta Don Bonifácio

Tenho certeza que 2016 promete ser um ano de mais viagens e os leitores podem esperar boas surpresas. Uma das razões por trás do Movido a Vinho é produzir material exclusivo e de qualidade sobre a vitivinicultura no Brasil, ajudando na divulgação dos produtos nacionais e do trabalho daqueles, pequenos ou grandes, que estão construindo a indústria brasileira do vinho. Essa meta não nos impede de fazer algumas visitas a vinícolas fora do país, mas essa é uma história para outra hora.

Álvaro Lima é jornalista de vinhos e fã da fotógrafa Gabi Di Bella, que faz parte da alma deste projeto. Na medida do possível, ele está tentando deixar a casa em ordem até ela voltar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s